Trump diz que compromisso dos EUA com a Otan continua forte

Mundo

Americano afirmou que aliados reforçaram compromisso com despesa em defesa, que é uma reivindicação dos Estados Unidos. Presidente dos EUA, Donald Trump, participa de coletiva de imprensa após participar de cúpula da Otan, em Bruxelas
Yves Herman/ Reuters
O presidente Donald Trump disse nesta quinta-feira (12) que o compromisso dos Estados Unidos com a Organização do Tratado do Atlântico Norte (Otan) “continua muito forte” após dois dias de encontro em Bruxelas. “A Otan está muito mais forte agora do que há dois dias”, afirmou.
De acordo com o chefe de estado americano, os países aliados “reforçaram seu compromisso” com a despesa em defesa, como os Estados Unidos tinham solicitado, “como nunca o tinham feito antes”.
O gasto militar nacional dos aliados foi o principal tema da cúpula. Trump exige que os sócios cumpram a meta de 2% do PIB estabelecida em 2014.
O governo americano, com orçamento militar que alcança 3,5% do PIB e cujas contribuições diretas ao orçamento da Otan representam 22% do total, critica a falta de investimento dos outros sócios. “Os Estados Unidos pagam muito. A Otan ajuda mais os países europeus do que os Estados Unidos”, declarou.